terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

Convento N.S. da Piedade,Ilhéus...

Cenas de um antigo convento em Ilhéus.













Um edifício imponente, e enorme.Ocupa quase todo quarteirão.Além de convento
funciona também como colégio interno.Affeee


Esta é a madre fundadora do convento, que foi construído no final do século XIX.As freiras
vieram da França para morar no convento.Meda desta freira!Não tem cara de amável.Aliás as freiras me dão medo. não sei se é algum trauma de infância, época em que estudei num colégio de freiras.Mas acredito que as freiras do São José tenham mais medo de mim que eu delas...Ahahahah! Aprontei muitas lá.
Neste colégio do convento estudavam todas as filhas dos coronéis da região.Ricos fazendeiros de cacau.








Faixada do convento.As torres são todas em estilo gótico.
Faz lembrar um pouco aqueles castelos de tortura da era medieval.A atmosfera também.






Curiosamente quase foto nenhuma do interior do convento saiu boa. Não sei porque. todas sairam embaçadas.
Corredores enormes repletos de salas e mais salas.Não sei praque usavam tantas salas.
Muito parecido com o colégio onde estudei.Labiritosde corredores.As vezes acho que estes labirintos eram feitos para que nenhuma freira fugisse do convento.Entrou, não sai mais!Ahahahah!




Uma das salas do convento.Não deixa de ser bonito.









A capela dentro do convento.É linda.Muitos casamentos da alta sociedade da região
são feitos aí.Claro, o precinho pra usar o lugar deve ser tão alto que os pobres devem passar longe!Rsss!





Vitrais por todos os lados.Muito bonitos.












Ficou embaçada também, mas dá pra ver este detalhe bonito, onde ficava o coral.
Depois continuo a mostrar mais do convento...

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

7º Concurso SESC de Fotografias

concurso150.jpg 
Regulamento:

1. Com a realização da VII Edição do Concurso SESC de Fotografias,
que tem como tema o VERÃO NO RIO GRANDE DO SUL, o SESC
dá sequência a um projeto de registrar imagens que representam as
estações do ano, tão bem caracterizadas em nosso Estado.
Chega o verão! Tempo de diversão, festas, férias, novos amores. A pele
abrasa... Tudo vira brincadeira: castelos de areia, bolas de sabão, rua,
chuva, noites de lua... No final da tarde, caminhadas, corridas, bicicletas,
bares. Água para tomar, mergulhar, nadar, amenizar o calor intenso... O
sol forte castiga, mas fornece a luz, elemento essencial para fotografar.
Desperte! Fotografe as imagens inusitadas do seu verão e aproveite para
participar do VII Concurso SESC de Fotografias!

2. O concurso contempla as categorias: fotógrafo comerciário, profissional
e amador. O concorrente poderá participar apenas de uma categoria. Os
fotógrafos podem residir em qualquer parte do País, observando o tema
"O verão no Rio Grande do Sul".

3. O concurso abrange somente fotografias coloridas.

4. O concorrente poderá inscrever até duas fotografias nas dimensões de
20 x 25 cm, identificando a modalidade em que concorre. A classificação
na categoria comerciário implicará em comprovação dessa condição
através do número do cartão SESC/SENAC.

5. As fotografias deverão ser apresentadas coladas em passe par tout ou
papel-cartão com 3 cm de margem em cor preta ou branca.

6. No verso do material inscrito, deverá constar etiqueta adesiva com
o nome completo do fotógrafo, nome artístico quando houver, título da
fotografia, seu endereço, e-mail e telefone para contato. Para eventual
verificação, é necessário também conter data e local (dentro do período
do verão de 2010) onde foi realizada a fotografia, bem como negativo ou
CD com a mesma em alta resolução, para sua reprodução em caso de
selecionada para integrar exposição e catálogo.

7. Em caso de imagens de pessoas, a autorização de uso da imagem
da pessoa fotografada deve ser enviada juntamente com a fotografia. As
fotografias que não vierem com a referida autorização não participarão da
seleção. Clique aqui e faça o download do modelo de autorização de uso da imagem.

8. O regulamento está disponível no site do SESC (http://www.sesc-rs.com.br/) e
a inscrição será feita em ficha própria recebida junto com o regulamento,
podendo a mesma ser fotocopiada. O preenchimento poderá ser
datilografado ou em letras de forma sem rasuras.

9. O período de envio das fotos com a ficha de inscrição será de 6 de
janeiro a 26 de março de 2010. O material deverá ser enviado em envelope
com a seguinte identificação: "7º Concurso de Fotografias SESC/RS",
para a Avenida Alberto Bins, 665, 5º andar, ou entregue nas Unidades
Operacionais do SESC no interior do Estado até a referida data.

10. No caso de inscrições realizadas por correio, a data de postagem será
considerada como data de inscrição e deverá ocorrer no período indicado
no item supra.

11. Não serão aceitas fotografias que apresentarem interferência
eletrônica, montagens, colagens, ou qualquer outra manipulação, bem
como as que já tenham sido publicadas, exibidas em público, ou que já
tenham sido, sob qualquer forma, premiadas.

12. Não poderão participar funcionários do Sistema Fecomércio, SESC
ou SENAC, assim como seus parentes de até 2º grau.

13. As fotografias serão avaliadas e selecionadas por um júri nomeado
pelo SESC/RS. O resultado decorrente da avaliação dos jurados será
soberano e irrevogável.

14. O resultado do concurso será anunciado no dia 16 de abril de 2010,
pela página do SESC (http://www.sesc-rs.com.br/). Somente os vencedores
serão comunicados por telefone ou e-mail.

15. Todas as fotografias classificadas serão objeto de publicação na
forma e datas convenientes ao organizador, passando as mesmas à
propriedade do SESC/RS. Além da publicação, será realizada uma
exposição itinerante pelas Unidades Operacionais do SESC.

16. O SESC/RS reserva para si, desde já, o direito incontestável de
reproduzir as fotografias inscritas em seu material institucional pelo
período de 5 (cinco) anos, preservando os créditos do fotógrafo. Nenhum
valor será devido ao fotógrafo em razão da reprodução mencionada
nesta cláusula, valendo a inscrição como autorização expressa dessas
condições.

17. As fotografias premiadas ou não, não serão devolvidas, assim como
CDs/DVDs e negativos.

18. Ao efetuar sua inscrição, o participante aceitará todas as disposições
deste regulamento. O não-cumprimento de quaisquer das regras
deste regulamento poderá causar, a critério de seus organizadores,
a desclassificação das fotografias inscritas e, consequentemente, do
respectivo participante.

19. Será premiado o 1º lugar de cada categoria, nos valores abaixo
indicados, livres de impostos, que serão adimplidos pelo SESC/RS.
Os demais classificados receberão um certificado de participação e 3
catálogos da exposição.

Categoria Comerciário
1º lugar
Premiação em dinheiro – R$ 2.000,00
10 catálogos da exposição
Fotografia integrando a exposição

Categoria Profissional
1º lugar
Premiação em dinheiro – R$ 2.000,00
10 catálogos da exposição
Fotografia integrando a exposição

Categoria Amador
1º lugar
Premiação em dinheiro – R$ 1.000,00
10 catálogos da exposição
Fotografia integrando a exposição

 
 
 

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010

Do Google earth

Terreno da extinta Pirelli em santo André. Só restou isso e uma parte que ainda existe do outro lado da avenida. Funcionou até meados dos anos 90.Foi  desativada e demolida.Disseram que seria feito  um condominio aí, com casas, lojas, escolas, etc.Pois é, passou quase uma década e continua nos escombros.Este local que até outros tempos era super movimentado agora parece um quarteirão fantasma.

O dia estava bonito...mas parece que vai chover daqui a pouco...



upload via:flickr

Ainda bem!!

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Sobradinhos antigos no Ipiranga

 Estes antigos sobrados são o pouco que resta da história do bairro, mas aos poucos estão sendo literalmente"prensados" pelo progresso,sendo engolidos por edifícios enormes.O que é uma pena, pois pelo menos um pouco da história deveria ser preservada,até mesmo para estudo de arquitetos e estudantes de história ou simplesmente para preservar a memória da cidade.
Alguns vão sendo tão descaracterizados que se transformaram em verdadeiras gaiolas, fechados por grades e trancas.As caçambas na frente dos sobrados mostram que mais dois estão sendo descaracterizados, se não na faixada, no seu interior.
Não existe lei que preserve estas casas? Pois é, realmente somos um país sem memória.

terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

Envelope By Leslie



upload via:flickr

Sem cola, nem fitas adesivas, só na dobradura. E dentro um presentinho para
alguém especial...